A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é o nome da Lei nº 13.709 de 2018, que regula todo o tratamento de dados pessoais e dados pessoais sensíveis realizado dentro do território nacional ou que vise o fornecimento e oferta de bens e serviços para pessoas localizadas no Brasil, ou mesmo que tenham sido coletados no país. Depois de diversas mudanças na data da vigência, o artigo da Medida Provisória (MP) n° 959/2020 que propôs a prorrogação da lei foi afastado em votação pelo Senado, com a posterior sanção pelo presidente, o que significa que a lei entrou em vigor em 18 de setembro de 2020.

Uma pesquisa da Fiocruz revelou que durante a pandemia do novo coronavírus, 34% dos fumantes brasileiros disseram ter aumentado a quantidade de cigarros fumados. Já que setembro é o mês do combate ao suicídio com a campanha internacional Setembro Amarelo, damos atenção também à saúde mental. Mas qual é a relação entre o tabagismo, saúde mental e a pandemia do novo coronavírus?

Segundo pesquisa da Universidade do Estado do Rio (Uerj), entre março e abril, os casos de ansiedade foram de 8,7% para 14,9% no Brasil. O motivo é a pandemia do novo coronavírus e o isolamento social, que fez com que os problemas de saúde mental como ansiedade e estresse, aumentem. Porém, esta questão que se agravou cada vez mais durante este período já era algo preocupante antes. Em 2019, a Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou dados que mostram que cerca de 19,4 milhões de brasileiros sofrem de ansiedade, o que nos torna o país em primeiro lugar na lista de países mais ansiosos do mundo. Além disso, de acordo com dados da International Stress Management Association no Brasil (ISMA-BR), a síndrome de burnout atinge 30% da população economicamente ativa no Brasil.

Já falamos por aqui, no #BlogHbit, sobre como a medicina preventiva e como ela pode reduzir riscos de saúde e auxiliar na economia das empresas. Naquele post foram citadas quais medidas a empresa pode fazer para garantir a medicina preventiva. Uma das coisas complementares à medicina preventiva é a cultura de prevenção, que busca incorporar no cotidiano da organização essa ideia de sempre se prevenir em relação a acidentes e doenças. Entretanto, como você pode engajar sempre os colaboradores a terem essa visão e fazerem parte desta cultura de prevenção?

Cada vez mais se comprova a importância de diversidade dentro de uma empresa (falamos sobre isso no nosso post sobre nosso certificado WEPs). E, como estamos no mês do orgulho LGTBQIA+ começamos a nos questionar em como garantir que todos respeitem a pluralidade no ambiente de trabalho.

De acordo com uma pesquisa realizada para a rede social Linkedin metade das pessoas LGBTQIA+ que responderam a pesquisa afirmam já terem assumido totalmente sua sexualidade ou identidade de gênero aos seus colegas de trabalho.