5 dicas para incentivar o respeito à diversidade no trabalho

Cada vez mais se comprova a importância de diversidade dentro de uma empresa (falamos sobre isso no nosso post sobre nosso certificado WEPs). E, como estamos no mês do orgulho LGTBQIA+ começamos a nos questionar em como garantir que todos respeitem a pluralidade no ambiente de trabalho.

De acordo com uma pesquisa realizada para a rede social Linkedin metade das pessoas LGBTQIA+ que responderam a pesquisa afirmam já terem assumido totalmente sua sexualidade ou identidade de gênero aos seus colegas de trabalho.

Porém, 35% afirmaram já terem sofrido algum tipo de discriminação, velada ou direta. Além disso, 81% das pessoas LGBTQIA+ entrevistadas dizem que ainda falta muito para que as empresas os acolham melhor, enquanto 67% das pessoas heterossexuais que responderam fazem a mesma afirmação - mostrando as diferentes percepções.

Mas afinal, quais são os principais benefícios em promover a diversidade em sua totalidade dentro da empresa?

Benefícios da diversidade para a empresa

  • Quando as pessoas se sentem mais à vontade de serem elas mesmas dentro da empresa, elas são mais engajadas e mais motivadas - trazendo mais resultados. Segundo a pesquisa da Gallup, empresas com pessoas mais engajadas diminuem em 24% as chances de turnover.
  • Pessoas desmotivadas podem começar a sofrer com a síndrome de burnout e, de acordo com a mesma pesquisa da Gallup, isso pode causar custos de mais de 9 bilhões de euros por ano na Europa.
  • Um estudo do Hay Group do Brasil, mostrou que quase 76% dos funcionários das empresas que possuem um comprometimento com a diversidade dizem que têm espaço para expor suas ideias e inovar no trabalho, enquanto em empresas que não se preocupam com a diversidade, essa opinião pertence a 55% de seus colaboradores.
  • Já em empresas onde existem políticas e práticas de diversidade, os conflitos acontecem 50% menos do que em outras empresas.Os conflitos podem gerar mais estresse e desmotivação dos funcionários.
  • Uma empresa com mais diversidade tem diversas formas de solucionar problemas, melhorando os resultados apresentados por ele, que ocasionam em um maior crescimento.

    Além disso, com uma menor taxa de conflito, o clima na empresa fica bem mais agradável para todos e contribui para uma maior satisfação e engajamento dos colaboradores. Evitando a rotatividade e o burnout dos funcionários.

    Image Gif

    E o que você pode fazer para respeitar a diversidade no trabalho?

    1. Não julgue pela aparência

    Uma das maiores coisas que todo o movimento LGTQIA+ nos ensinou é que não precisamos fechar as pessoas em estigmas e padrões de acordo com o jeito com o que eles se vestem, falam ou o que consomem.

    2.Pesquise sobre o tema e mantenha a mente aberta

    Pesquise, leia livros, acompanhe influenciadores e aprenda termos neutros e como você pode apoiar o movimento LGBTQIA+. E, principalmente, mantenha a mente aberta para todas as pessoas, sexualidades e identificações de gênero.

    Converse e tente entender a jornada individual de cada um, além de se aproximar do colega de trabalho - que ajuda muito que todo o processo seja mais fluído e mais descontraído -, ainda quebra diversos estigmas que foram ensinados à você.

    3. Reconheça o talento e as qualidades da pessoa

    A sexualidade ou identificação de gênero de alguém não implica no trabalho dela e, muito menos, da produtividade e qualidade da realização de demandas.

    Assim, reconheça as ações, a ética que ela tem no trabalho, como ela realiza o trabalho e a forma que ela ajuda a trazer inovação para a empresa.

    4. Tenha em mente que LGBTQIA+fobia mata

    O Brasil é o país que mais mata pessoas LGBTQIA+ no mundo, segundo a pesquisa da ONG Transgender Europe (TGEU), principalmente trans e travestis. Então, sempre tenha em mente que ser uma pessoa LGTBQIA+ é resistir, diariamente.

    As questões acerca da vida deles envolvem essa violência que tem como fundo o preconceito e que as oportunidades dadas a cada um eles ajudam que o LGBTQIA+fobia diminua e a violência diminua.

    5. Aprenda e respeite

    O mais importante sempre: lembre-se de que precisamos aceitar e respeitar a todos, esse é o princípio e a ação mais importante. Desde o processo seletivo até o dia a dia na empresa serão mais leves e melhores.

    Além disso, o movimento LGTQIA+ é um dos que mais trouxe vitórias, principalmente em questões de Legislação:

  • Decreto nº 46.172 de 2017, que institui a carteira de identidade social para utilização por pessoas travestis e transexuais, no âmbito do Estado do Rio de Janeiro;
  • Em 2016 é promulgado o Decreto nº 37.069 de 21/01/2016 – Criação da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial, Religiosa ou por Orientação Sexual, ou contra a Pessoa Idosa ou com Deficiência;
  • Lei nº 5835 de 11/04/2017 que discorre sobre os procedimentos para registro e divulgação de dados sobre a violência contra LGBTI+I no DF;
  • Inauguração, em 2017, do Ambulatório LGBT como parte da política municipal de Atenção Integral à Saúde da População LGBT na cidade de Canoas para ampliação dessa população aos serviços de saúde.
  • Em 2015, Universidade Federal do Pará (UFPA), por meio do Coletivo Universitário LGBT ACOPLA, conquista a aprovação da Resolução 731/2014 que dá direito aos indivíduos LGBTI+ ao uso do nome social dentro do ambiente acadêmico;
  • Em 2013 são criados o Conselho Estadual de Combate à Discriminação, bem como Conselho de Direitos da população LGBTI+;
  • Em abril de 2016, na semana das Conferências Nacionais Conjuntas de Direitos Humanos, foi publicado o Decreto Presidencial Nº 8.727/2016, que dispõe sobre o uso do nome social e reconhecimento da identidade de gênero de pessoas travestis e transexuais;
  • Em 2020, o Supremo Tribunal Federal (STF) tornou inconstitucional a proibição de doação de sangue pela comunidade LGBTQI+.
  • Image Gif

    Eles nos ensinam, diariamente, a respeitar a pluralidade de cada um, em todos os ambientes. Que tal levarmos esse ensinamento para a vida?

    Com essas dicas, vamos juntos garantir que todos se sintam bem e incluídos em todos os ambientes? Queremos saber como a sua empresa garante a diversidade! Nos conte em nossas redes sociais!