Nutrição: como a alimentação impacta a rotina do colaborador

Dia 31 de agosto é Dia do Nutricionista, um profissional importante para auxiliar e melhorar a alimentação de cada pessoa individualmente, com foco nas suas necessidades nutricionais, objetivos e em trazer mais qualidade de vida.

A alimentação, principal área de atuação do nutricionista, sempre foi um fator importante para a saúde, reduzindo as chances de se ter doenças graves como diabetes, obesidade, anemia, hipertensão e até câncer.

E as pessoas já estão se preocupando em se alimentar melhor. Um levantamento divulgado pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) mostra que 8 em cada 10 brasileiros afirmam que se esforçam para ter uma alimentação saudável e 71% dos entrevistados na pesquisa apontam que preferem produtos mais saudáveis, mesmo que tenham que pagar caro por eles.

Pensando na importância da alimentação para a saúde como um todo, no #BlogHBit desta semana vamos falar sobre a importância da nutrição no dia a dia dos colaboradores e no impacto que os alimentos escolhidos podem trazer para o trabalho.

Qual a importância da nutrição na rotina do colaborador?

Traz mais energia e disposição

Dependendo dos alimentos consumidos, eles podem aumentar ou diminuir a sua energia. Uma publicação especializada em saúde da Escola de Medicina da Universidade de Harvard, a Harvard Health Publishing, afirma que um pão açucarado fornecerá muitas calorias, mas como o corpo terá que metabolizá-las rapidamente, a pessoa pode acabar com fadiga.

A publicação também indica que é melhor manter um nível de energia mais estável durante o dia, comendo proteínas magras e carboidratos não refinados e recomenda que não se pule refeições, para que o corpo receba a nutrição de que precisa ao longo do dia.

Melhora a produtividade

Um dos pontos que a alimentação pode influenciar é na produtividade. De acordo com uma pesquisa da Universidade de Brigham Young, dos Estados Unidos, as pessoas que apresentam hábitos alimentares ruins são 66% mais propensas a apresentar queda de produtividade em comparação com aqueles que seguem uma dieta saudável.

A pesquisa ainda aponta que não comer regularmente frutas e vegetais pode derrubar o desempenho em 93%.

Traz foco e atenção, reduzindo acidentes de trabalho

De acordo com o Observatório de Segurança e Saúde no Trabalho, elaborado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT), 1 trabalhador morre por acidente de trabalho ou doença laboral a cada 15 segundos. Dessas mortes, de 2012 a 2020, 21.467 foram de brasileiros, representando uma taxa de 6 óbitos a cada 100 mil empregos formais.

Uma má alimentação pode fazer com que o colaborador fique disperso e apático, perdendo o foco e atenção às atividades cotidianas, que podem ser automáticas, trazendo o risco de acontecer um acidente de trabalho.

Reduz o absenteísmo

Quando se cuida mais da saúde, diminui-se os custos com doenças e, também, o absenteísmo, que é a falta ou ausência dos colaboradores por meio de faltas, atrasos ou acidentes, podendo ser ocasionados por motivos como problemas de saúde, pessoais e familiares.

Uma pesquisa realizada pela empresa Gallup mostrou que nos Estados Unidos são perdidos 84 milhões de dólares por causa da falta de produtividade, que é um dos impactos do absenteísmo.

Esse é um problema que vira uma bola de neve de problemas: quando não resolvido, passa a afetar outros talentos e até toda a organização. Já que, quando um colaborador se afasta, o time dele fica menos produtivo, além de que, algumas vezes, o trabalho dele deve ser realizado por um colega, que fica sobrecarregando, impactando os resultados dele e da empresa.

Diminui gastos com problemas de saúde

Já falamos por aqui sobre a importância de se acompanhar a saúde do colaborador e como essa ação pode poupar gastos da empresa. Quanto mais se cuida e acompanha a saúde do colaborador, mais saudável ele é e mais chances ele tem de descobrir alguma doença em seus estágios iniciais, quando seus tratamentos são mais rápidos e eficientes.

Então: cuidando sempre da saúde do colaborador, você evita gastos e ainda melhora o desempenho dos talentos porque para cada US$1 investido em prevenção na saúde, US$4 são gerados com aumento de produtividade.

Por isso, é muito importante incentivar a melhoria da alimentação do seu colaborador, já que alimentação é saúde!

E a HealthBit pode te ajudar nesse momento. Estamos trazendo para empresas um programa de nutrição feito pela empresa Vitat, que faz parte do grupo RaiaDrogasil, como a HBit.

Trata-se de um aplicativo que:

  • Tem programas nutricionais;
  • Possui formas de controlar a alimentação;
  • Possibilita consultas com nutricionistas;
  • E traz resultados efetivos.

Mande um e-mail para mailto:contato@healthbit.com.br para saber mais!